Ir para o conteúdo principal
Representação em Portugal
Notícia2 de maio de 2023Representação em Portugal1 min de leitura

Política de coesão da UE: programas para 2021-2027 deverão criar 1,3 milhões de postos de trabalho

Energia Eólica coesão territorial

O financiamento da política de coesão para 2021-2027 deverá apoiar a criação de 1,3 milhões de postos de trabalho e aumentar o PIB da União Europeia em 0,5 %, em média, até ao final da década, valor que poderá ascender aos 4 % em alguns Estados-Membros.

Os fundos irão contribuir também para fornecer inúmeros bens públicos, proporcionando benefícios tangíveis e concretos para as regiões, os municípios e os cidadãos da UE. São estas algumas das conclusões de um relatório sobre os resultados da programação da política de coesão para 2021-2027, hoje publicado. Para que tal se concretize, a política de coesão irá mobilizar investimentos no valor de 545 mil milhões de euros, dos quais 378 mil milhões de euros serão financiados pela UE.

Estes investimentos irão promover uma convergência socioeconómica duradoura, a coesão territorial, uma Europa social e inclusiva e uma transição ecológica e digital harmoniosa e justa. A política de coesão apoia fortemente a investigação e a inovação, além de abordar a questão da fratura digital. Contribui igualmente para os investimentos ecológicos na atenuação das alterações climáticas e na adaptação às mesmas, em conformidade com os objetivos do Pacto Ecológico Europeu, ajudando as pessoas e os territórios mais afetados pela transição para a neutralidade climática, garantindo que ninguém seja deixado para trás.

Para descobrir todos os domínios que a política de coesão apoia, está disponível um comunicado de imprensa.

Informação detalhada

Data de publicação
2 de maio de 2023
Autor/Autora
Representação em Portugal