Skip to main content
Representação em Portugal logo
Representação em Portugal
Debates públicos

Conferência sobre o futuro da Europa - Uma economia que beneficie os cidadãos: a política agrícola e a luta contra as alterações climáticas

Evento nacional da Conferência sobre o Futuro da Europa, subordinado ao tema Uma economia que beneficie os cidadãos: a política agrícola e a luta contra as alterações climáticas que decorre no dia 6 de dezembro, às 15h, em Santarém.

  • Política agrícola | Política para as alterações climáticas
  • -
  • Portugal

Informação prática

Onde
Auditório da Escola Superior de Saúde de Santarém & online
Portugal
Quando
-
Línguas
português

Descrição

COFE 6 dezembro
Participe!

O evento, cujo programa se encontra aqui, realiza-se em formato presencial e online, limitado à lotação máxima do auditório, e as inscrições devem ser efetuadas através deste formulário.

Lançado a 28 de julho, este ciclo de debates nacionais integrados na Conferência sobre o Futuro da Europa realiza-se em vários pontos do país até março de 2022 e é organizado por um conjunto de entidades:

  • Gabinete da Secretária de Estado dos Assuntos Europeus (GOV)
  • Assembleia da República (AR)
  • Conselho Económico e Social (CES)
  • Gabinete do Parlamento Europeu em Portugal (PE)
  • Representação da Comissão Europeia em Portugal (COM)
  • Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP)
  • Conselho Nacional de Juventude (CNJ)

Conferência sobre o Futuro da Europa é um exercício centrado nos cidadãos, com uma dinâmica que parte da base para o topo, afirmando-se como um diálogo aberto, inclusivo e transparente que visa contribuir para um melhor conhecimento das preocupações e anseios da sociedade civil, constituindo-se assim como uma ferramenta de grande utilidade para os decisores políticos. Esta iniciativa pretende dar prioridade à participação dos cidadãos, com especial destaque aos jovens, e refletir a diversidade europeia, em termos de origem geográfica, género, idade, contexto socioeconómico e/ou nível de educação dos cidadãos. Pretende ainda levar a Europa para lá das suas capitais, chegando a todos os cantos da UE e reforçar a ligação entre os europeus e as instituições.