Ir para o conteúdo principal
Representação em Portugal
Notícia22 de novembro de 2023Representação em Portugal

Comissão atribui mais 1,5 mil milhões de euros em assistência à Ucrânia

Ucrânia

A Comissão pagou hoje 1,5 mil milhões de euros ao abrigo do pacote de assistência macrofinanceira + a favor da Ucrânia, com um valor máximo que pode ir até aos 18 mil milhões de euros.

Através deste instrumento, a UE procura ajudar a Ucrânia a cobrir as suas necessidades imediatas de financiamento, garantindo um apoio financeiro estável, previsível e substancial em 2023.

Com o pagamento de hoje, a Ucrânia recebeu até à data 16,5 mil milhões de euros este ano ao abrigo da assistência macrofinanceira +. Este apoio ajudará a Ucrânia a continuar a pagar salários e pensões e a manter em funcionamento serviços públicos essenciais, como hospitais, escolas e alojamento para as pessoas deslocadas.

Permitirá igualmente à Ucrânia assegurar a estabilidade macroeconómica e restaurar as infraestruturas críticas destruídas pela Rússia na sua guerra de agressão, como as infraestruturas energéticas, os sistemas de abastecimento de água, as redes de transportes, as estradas e as pontes.

A presidente da Comissão, Ursula von der Leyen, declarou: «O pagamento de 1,5 mil milhões de euros hoje efetuado eleva o montante total da nossa assistência macrofinanceira à Ucrânia desde o início do ano para 16,5 mil milhões de euros. No contexto da guerra de agressão da Rússia, esta ajuda financeira da Europa revelou-se fundamental para a estabilidade económica da Ucrânia e para a continuidade dos seus serviços públicos essenciais. O nosso apoio global à Ucrânia ascende a quase 85 mil milhões de euros, incluindo o equipamento militar. E continuaremos a estar ao lado da Ucrânia, com a nossa proposta de mais 50 mil milhões de euros de apoio para os próximos anos, até 2027.» Globalmente, desde o início da guerra, o apoio da UE à Ucrânia e aos ucranianos ascende a quase 85 mil milhões de euros.

Mais informações nesta ficha informativa.

Informação detalhada

Data de publicação
22 de novembro de 2023
Autor/Autora
Representação em Portugal