Ir para o conteúdo principal
Representação em Portugal
Notícia31 de janeiro de 2023Representação em Portugal

Eurobarómetro sobre NextGenerationEU: portugueses na vanguarda das reações positivas

A grande maioria dos cidadãos da UE tem uma reação positiva quanto ao plano de recuperação da UE NextGenerationEU.

UE

O inquérito Eurobarómetro publicado ontem mostra que o instrumento de recuperação está estreitamente alinhado com as expectativas e necessidades das pessoas. Assim, mais de sete em cada dez inquiridos apoiam o princípio da solidariedade subjacente ao NextGenerationEU, tendo os Estados-Membros concordado em prestar apoio financeiro entre si para sairmos mais fortes da pandemia de COVID-19. Os inquiridos em Malta (85 %) e Portugal (86 %) são os que mais concordam. Uma grande maioria, quase dois terços dos inquiridos, também concorda com o facto de os pagamentos aos Estados-Membros a título do Mecanismo de Recuperação e Resiliência (MRR), o principal instrumento no cerne do NextGenerationEU, devem estar subordinados à realização das reformas e dos investimentos acordados. A Croácia (78 %) e Chipre (76 %) estão na linha da frente. Quando questionados sobre os domínios de intervenção que devem receber o maior apoio da UE, os inquiridos dão prioridade à saúde (57 %), seguida de perto pela energia, questões ambientais e alterações climáticas (48 %), bem como pelo emprego e melhores condições de trabalho (37 %). As vertentes mais favorecidas pelos cidadãos correspondem, de um modo geral, aos seis pilares do MRR. 66 % dos inquiridos consideram que o NextGenerationEU terá um impacto positivo nas gerações futuras. Os inquiridos polacos lideram, sendo 78 % otimistas quanto ao impacto a longo prazo do plano de recuperação. 61 % dos inquiridos consideram que o plano conduzirá ao crescimento económico e a mais emprego. Por último, três quartos dos inquiridos consideram positivo o plano REPowerEU, que se baseia no MRR para ajudar os Estados-Membros a alcançar uma maior independência energética em relação à Rússia. A maioria das pessoas em todos os Estados-Membros é favorável ao plano, com os mais fortes apoiantes na Roménia (87 %) e em Portugal (91 %). Mais informações neste sítio Web.

Informação detalhada

Data de publicação
31 de janeiro de 2023
Autor/Autora
Representação em Portugal